sábado, 12 de maio de 2012

Exercícios sobre Sócrates


QUESTÃO 01. Leia o texto abaixo:
“No século V a.C. surgiu em Atenas um grupo de pensadores conhecidos pelo nome de sofistas, os quais dominavam e ensinavam as artes da oratória e da retórica. Originários de diferentes regiões de Grécia, eles estudavam as obras filosóficas de seus antecessores, para, depois, viajarem pelas cidades (póleis) governadas por regimes democráticos, como Atenas, onde, após discursarem em público, ensinavam sua ‘sabedoria’ em troca de pagamento”. (Fonte: Curso especial de Filosofia – Apostila de Filosofia do Terceiro Ano, Vol. 01, 2011, p. 12).
Levando em conta o excerto acima, e nossas discussões em sala, EXPLIQUE qual foi exatamente a função teórica e pedagógica que os sofistas desempenharam em Atenas e o porquê de Sócrates recriminá-los:

Os saberes dos sofistas ignoravam o «compreender» e eram quando muito técnicas do «agarrar»; com efeito, aquilo com que se preocupavam antes de mais os sofistas era manejar o discurso de forma tal que o interlocutor ficasse rapidamente convencido daquilo que o orador o queria persuadir. Note-se que este orador nunca se punha o problema de saber se o que ele dizia era verdadeiro, o essencial para ele era conseguir conquistar a adesão do outro.


QUESTÃO 02. Apesar de Sócrates não ter deixado suas ideias registradas por escrito, algumas frases filosóficas muito importantes foram atribuídas a ele. Uma dessas frases é “Conhece-te a ti mesmo”. A partir de seus conhecimentos, EXPLIQUE em que consistia o método socrático de aquisição da verdade:

Consiste numa prática muito famosa de Sócrates, o filósofo, em que, utilizando um discurso caracterizado pela maiêutica (levar ou induzir uma pessoa, por ela própria, ou seja, por seu próprio raciocínio, ao conhecimento ou à solução de sua dúvida) e pela ironia, levava o seu interlocutor a entrar em contradição, tentando depois levá-lo a chegar à conclusão de que o seu conhecimento é limitado.


QUESTÃO 03. Após o período cosmológico, surge outro movimento muito importante para a filosofia (nascente) no ocidente. Passa a ser abordado agora um novo tipo de problema e teremos, então, não só as figuras principais do novo cenário da filosofia grega, mas de toda a história da razão ocidental: Sócrates, Platão e Aristóteles. Com Sócrates, a filosofia ganha uma nova “roupagem”. Sócrates viveu em Atenas no momento de apogeu da cultura grega, o chamado período clássico (séculos V e IV a.C.), fase de grande expressão na política, nas artes, na literatura e na filosofia. O que há de mais forte na filosofia de Sócrates é o seu método e a maneira pela qual ele buscava discutir os problemas relacionados à filosofia .
A partir do texto acima e dos conhecimentos que você possui sobre a filosofia de Sócrates, é CORRETO afirmar QUE: (QUESTÃO SOMATÓRIA, SOME OS NÚMEROS DOS ITENS CORRETOS E COLOQUE O VALOR NO QUADRADO ABAIXO)
(01) Sócrates oferecia grande importância às experiências sensíveis, o que caracterizou fortemente o seu método filosófico.
(02) Ao proceder em suas investigações, Sócrates partia sempre de sua “dúvida metódica”.
(04) Sócrates sempre buscava pessoas em praça pública para dialogar e questionar.
(08) A célebre frase de Sócrates, que caracterizava parte de seu método é: “só sei que nada sei”, por isso questionava as ideias de seus interlocutores.
(16) Para fazer com que os seus interlocutores enxergassem a verdade por si próprios, Sócrates praticava o método “maiêutico” (assinalado por ele), ou “parto das ideias”, no qual ele demonstrava os erros e opiniões comuns entre os homens.
28



QUESTÃO 04. (UEM/2008) – Sócrates representa um marco importante da história da filosofia; enquanto a filosofia pré-socrática se preocupava com o conhecimento da natureza (physis), Sócrates procura o conhecimento indagando o homem. ASSINALE o que for CORRETO. (QUESTÃO SOMATÓRIA, SOME OS NÚMEROS DOS ITENS CORRETOS E COLOQUE O VALOR NO QUADRADO ABAIXO)

(01) Sócrates, para não ser condenado à morte, negou, diante dos seus juízes, os princípios éticos da sua filosofia.
(02) O método socrático compõe-se de duas partes: a maiêutica e a ironia.
(04) Tal como os sofistas, Sócrates costumava cobrar dinheiro pelos seus ensinamentos.
(08) Sócrates, ao afirmar que só sabia que nada sabia, queria, com isso, sinalizar a necessidade de adotar uma nova atitude diante do conhecimento e apontar um novo caminho para a sabedoria.
(16) Discípulo de Sócrates, Platão utilizou, como protagonista da maior parte de seus diálogos, o seu mestre.

28


QUESTÃO 05. Na Grécia antiga, principalmente na cidade de Atenas no século V a.C., desenvolveu-se uma corrente de pensadores conhecidos como Sofistas. Tidos como “sábios”, eram pagos para ensinar os jovens principalmente a arte da argumentação. Abaixo, CONSIDERE as afirmações sobre a importância que esta (arte) tinha em seu pensamento.

I – Os sofistas não acreditavam na verdade absoluta, para eles o importante era conseguir convencer os outros de suas ideias.
II – Os sofistas acreditavam que uma boa argumentação era a única maneira de se chegar ao conhecimento da verdade absoluta.
III – Os sofistas acreditavam que através dos argumentos era possível se chegar à melhor solução em cada caso.

A – Apenas a III é verdadeira.
B – Apenas a I é verdadeira
C – Apenas a I é falsa.
D – Apenas a II é verdadeira.
E – Apenas a II é falsa.

QUESTÃO 06. “O homem é a medida de todas as coisas.” Vimos em sala que um dos principais Sofistas que viveu em Atenas foi Protágoras de Abdera, a quem se atribui a afirmação acima. Sobre sua CORRETA interpretação, CONSIDERE:

I – Protágoras é considerado o “pai dos sofistas”, uma vez que seus discípulos seguiam a sua frase citada acima.
II – Protágoras quis dizer que a verdade só é verdade na medida em que alguém a considera como tal.
III – Podemos dizer que Protágoras não acredita na verdade absoluta, pois para ele as coisas só são verdadeiras para um indivíduo, que a interpreta como tal, e não de maneira coletiva, por todos.

A – Todas são verdadeiras.
B – Apenas a I é falsa.
C – Apenas a II é falsa.
D – Apenas a III é falsa.
E – Apenas a II é verdadeira


QUESTÃO 07. Sócrates era um cidadão comum de Atenas, até o oráculo de Delfos indicar que ele era o homem mais sábio de seu tempo. A partir daí, ele tomou como missão a Maiêutica, que significava a “arte de trazer à luz” (“parto das ideias”), através de longas conversas com interlocutores de todas as classes sociais. O QUE SIGNIFICAVA ESSA ARTE?

A) Sócrates, que também era médico, auxiliava nos partos de Atenas.
B) A luz do pensamento de Sócrates ofuscava todo o conhecimento da outra pessoa.
C) Nenhuma das anteriores está correta.
D) Através do diálogo promovido por Sócrates, a pessoa podia formular suas ideias e pensamentos.
E) A luz indicava que a pessoa não precisava se esforçar para adquirir conhecimento.


QUESTÃO 08 - Sócrates foi um dos mais importantes filósofos da antiguidade. Para ele, a filosofia não era um simples conjunto de teorias, mas uma maneira de viver. Sobre o pensamento e a vida de Sócrates, assinale o que for incorreto.

( ) Sócrates acreditava que passar a vida filosofando, isto é, a examinar a si mesmo e a conduta moral das pessoas.
( ) Nas conversações que mantinha nos lugares públicos da Atenas do século V a.C., Sócrates repetia nada saber para, assim, não responder às questões que formulava e motivar seus interlocutores a darem conta de suas opiniões.
( X) Em polêmica com Aristóteles, para quem a cidade nasce de um acordo ou de um contrato social, Sócrates escreveu a República, na qual demonstra ser o homem um animal político.
( ) O exercício da filosofia, para Sócrates, consistia em questionar e em investigar a natureza dos princípios e dos valores que devem governar a vida. Assim se comportando, Sócrates contraiu inimizades de poderosos que o executaram sob a acusação de impiedade e de corromper a juventude.
( ) A maiêutica socrática é a arte de trazer à luz, por meio de perguntas e de respostas, a verdade ou os conhecimentos mais importantes à vida que cada pessoa retém em sua alma. 

QUESTÃO 09 Leia a tirinha abaixo.

O instrumento adotado por Sócrates para o exercício de sua atividade filosófica foi o diálogo, e sempre com o intuito de despertar em todos os homens, a importância de examinar sua vida e suas ideias através da razão. Marque a alternativa que melhor representa o “método socrático”.
a) Apesar de ser um dos maiores pensadores de Atenas, jamais quis ensinar as pessoas a filosofar. Ele preferiu escrever livros e discutir seus livros em público, por isso o nome de seu primeiro projeto: A república.
b) Assim como os sofistas, ele se utilizava de todas formas (razão, sentimentos, religião, cosmologias e etc.) para convencer as pessoas sobre suas ideias, isto é, dizer o que a pessoa é e do que ela precisa, a pessoa entendendo a resolução dos conceitos, elas vivem suas vidas de acordo com os ensinamentos socráticos.
c) Sócrates construiu sua própria escola, o Liceu, nela havia dezenas de alunos que, para fazer parte do corpo estudantil, antes, Sócrates media a capacidade que a pessoa tem de filosofar. Se a pessoa não soubesse de alguma coisa, então, ele não permite a matrícula.
d) A profissão de ignorância e ironia de Sócrates fazem parte de seu procedimento geral de refutação por meio de perguntas e respostas breves e constituem um meio de reverter o argumento do interlocutor para fazê-lo cair em contradição. A refutação socrática revela a presunção de saber do adversário, pela insuficiência de suas definições e pela aporia.



Um comentário:

  1. a questão de numero 4 a somatória esta errada!!!
    a somatória esta com valor de 28 quando seria 26 0 correto!!!

    ResponderExcluir